Portal Municipal da Ponta do Sol

ir para conteudo
{Play}

O Programa Municipal de Formação e Ocupação em Contexto de Trabalho valorizar e atribuir competências aos Ponta-solenses.

Se é desempregado/a e/ou está à procura do primeiro emprego e se é residente no Município da Ponta do Sol, saiba como pode desenvolver competências essenciais à vida ativa, ao participar no Programa Municipal de Formação e Ocupação em Contexto de Trabalho.

Focando-se em “atitudes ativas”, o Programa pretender complementar as suas qualificações e experiências de trabalho através de formação e aprendizagem em contexto laboral.

Candidaturas

As candidaturas decorrem ao longo de todo o tempo de vida do programa e são rececionadas no serviço de atendimento da Câmara Municipal da Ponta do Sol, na Loja do Munícipe, através de formulário próprio a fornecer pelos serviços.

O/a candidato/a deve entregar a sua ficha de candidatura devidamente preenchida e anexar cópias dos seguintes documentos:

  • Documento de identificação (BI/CC/Passaporte/Autorização de Residência);
  • Cartão de Contribuinte (se não tiver CC);
  • Comprovativo de residência no Município da Ponta do Sol;
  • Declaração comprovativa da situação junto do Instituto de Emprego da Madeira;
  • Última declaração de IRS ou declaração do serviço de finanças competente que confirme a isenção da entrega;
  • Curriculum Vitae, com fotografia;
  • Certificado de habilitações académicas ou profissionais (mediante a especificidade dos projetos).

Destinatários

O Programa destina-se a cidadãos maiores de idade, residentes no Município da Ponta do Sol, detentores de um dos seguintes requisitos:

  • Titulares de Bacharelato, Licenciatura, Mestrado ou Doutoramento (nível 6 a 8);
  • Titulares de curso técnico-profissional (nível 5);
  • Titulares de escolaridade obrigatória ou inferior (nível 1 a 4).

Os candidatos devem, cumulativamente, preencher os seguintes requisitos:

  • Estarem à procura do primeiro emprego ou desempregados/ as, inscritos/as no Instituto de Emprego da Madeira;
  • Tenham disponibilidade horária para o projeto em questão, não sendo permitida a frequência em simultâneo de outras atividades;
  • Aceitem o horário semanal de 35 (trinta e cinco) horas;
  • Aceitem as obrigações e atividades do programa, bem como as orientações dos técnicos a cargo do projeto.

Como irá decorrer?

O Programa inclui projetos a desenvolver em diversas áreas (e.g.: Educação, Desporto, Social, Juventude, Cultura, Ambiente, Financeira, Comunicação, Cidadania, Planeamento, Proteção Civil, entre outras) no âmbito das atribuições e competências do Município.

As atividades estipuladas para os candidatos, serão: formação; aprendizagem em contexto de trabalho; acompanhamento e avaliação de percurso. No final do Programa, após a receção das avaliações, será entregue pelo Município aos participantes, um certificado comprovativo da sua frequência.

Financiamento

Aos participantes é concedida uma bolsa mensal de valor equivalente:

  • a 1,5 vezes o Indexante de Apoios Sociais (IAS) para as vagas/candidatos com bacharelato, licenciatura, mestrado ou doutoramento;
  • ao Indexante de Apoios Sociais (IAS) para as vagas/ vagas/candidatos com curso técnico-profissional, escolaridade obrigatória ou inferior.

No final do Programa, aos participantes que obtiverem uma avaliação positiva no relatório final elaborado pelo orientador, será ainda atribuído um prémio de incentivo e integração no montante do valor equivalente a um 1 ou 1,5 vezes o indexante dos Apoios Sociais (IAS) conforme valor recebido por mês.

Horário, frequência e duração

O Programa decorrerá na área geográfica do Município da Ponta do Sol, sem prejuízo de deslocações que o exercício da atividade possa comportar. Terá a duração máxima de 12 (doze) meses consecutivos, conforme o proposto pelos serviços e o projeto de formação prática a realizar.

O horário a praticar durante o Programa, bem como os períodos de descanso diário e semanal, serão definidos pelo serviço que acolhe o projeto, nos termos e condições legalmente vigentes, não podendo ultrapassar as 35 (trinta e cinco) horas semanais.

Regulamentos e Formulários

Projetos 1 a 9

Emprego

Para requerer os serviços de saneamento, deverá ter em atenção os documentos abaixo indicados.

  • Doméstico
    • Bilhete de Identidade e Número de contribuinte / ou Cartão do Cidadão;
    • Valor da Tarifa de Ligação;
    • Escritura da casa / ou Caderneta Predial / ou Recibo de pagamento IMI;

  • Comércio e Serviços
    1. Proprietários
      • Certidão de Registo Comercial;
      • Escritura de Compra do Imóvel / ou Promessa de Compra e Venda/ ou Caderneta Predial;
      • Área coberta;
    2. Inquilino
      • Certidão de Registo Comercial;
      • Contrato de Arrendamento;
      • Último Recibo da Renda;

{Play}

A empregabilidade do concelho da Ponta do Sol é uma das áreas que merece um especial destaque por parte do Órgão Executivo eleito para o período de 2017-2021.

A Bolsa de Emprego Ponta do Sol é uma iniciativa que está inserida no âmbito do Portal do Investidor, que tem por objetivo dinamizar e interligar as oportunidades e necessidades socioeconómicas locais, apoiando a interligação e a intermediação entre empregadores e pessoas que estão à procura de emprego.

A Bolsa de Emprego da Ponta do Sol pretende reforçar e apoiar as entidades governativas com a tutela do emprego na Região Autónoma da Madeira, designadamente o IEM assim como o Polo de Emprego da Ponta do Sol, colocando à disposição uma interface inserida em contexto próprio de oportunidades, necessidades, investimento e empreendedorismo, previsto para o Portal do Investidor.

Numa altura em que a Região Autónoma da Madeira tem recebido muitos dos nossos emigrantes, a questão da criação de postos de trabalho é um assunto importante para o bem estar socioeconómico dos nossos residentes.

Nesta medida, a Câmara Municipal da Ponta do Sol pretende contribuir de forma ativa e colaborativa, para que exista uma interligação efetiva, ágil e imediata entre empregadores e pessoas à procura de emprego, potenciando oportunidades e proximidades entre a oferta e a procura.

{Play}

O Município da Ponta do Sol quer apostar no fomento ao empreendedorismo de base local e como tal tem previsto para o quadriénio de 2017-2021, a definição de políticas que irão promover a criação e desenvolvimento de projetos para o Concelho.

A criação do OP - Orçamento Participativo é um dos instrumentos municipais que irá potenciar o empreendedorismo e espírito de iniciativa, assim como incentivar a fixação no Concelho de projetos capazes de criar postos de trabalho e atrair novos residentes.

Brevemente...