Portal Municipal da Ponta do Sol

ir para conteudo
Encontrar-Artigos-e-Documentos_Município-da-Ponta-do-Sol
Categoria: Câmara Municipal
Mês: Setembro
Ano: 2021
o-luto-de-uma-vida-nao-cabe-em-5-dias

Todos os anos, em setembro, a Acreditar assinala o mês internacional de sensibilização para o cancro pediátrico.

Este ano, a ACREDITAR centrou-se nos cuidadores e lançou uma petição que propõe o alargamento do período de luto pela perda de um filho para 20 dias. A legislação prevê atualmente apenas 5 dias consecutivos.

A experiência, de 27 anos, no acompanhamento dos pais, diz que, ao fim de 5 dias, ninguém está em condições de poder regressar ao trabalho. Mesmo quando o retorno à vida laboral pode ser um contributo positivo para o processo de luto, este período não chega. Um pai ou uma mãe que durante largos períodos de tempo, muitas vezes vários anos, acompanhou um filho doente que acaba por morrer, dificilmente tem condições para encarar o retorno imediato à vida laboral. 5 dias é pouco. Esta petição é para todos os pais que perdem um filho.

A campanha conta também com um site próprio – www.peticaolutoparental.com – onde deverá ser assinada a petição e que tem informação especializada sobre o luto parental, formas que podem ajudar a enfrentá-lo, testemunhos de pais, irmãos, sugestões de leitura, entre outra informação relevante.

Falar sobre o luto parental, trazer a discussão para o espaço público, tirar estes pais do anonimato e da solidão que tantas vezes encontram neste caminho, é um contributo para a mudança legislativa que se pretende e se impõe.

Para acompanhar o artigo na nossa rede social facebook clique AQUI.